sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Vestir-se com modéstia para a missa!

A sociedade está se tornando cada vez mais casual. Tenho visto frequentemente pessoas comprando comidas em calças de pijamas e pantufas. Tenho ido à concertos mundiais de música clássica, onde as pessoas estavam vestidas com camisas havaianas e jeans. De fato, é difícil imaginar que as pessoas ainda irão se vestir modestamente. Até mesmo em casamentos e funerais estão ficando cada vez mais e mais casuais.
Isso me incomoda, porque como nos vestimos é um sinal de quanto respeito temos por nós mesmos e para com as outras pessoas. Se nós não nos vestimos adequadamente para alguém ou alguma situação, isso quer dizer que não respeitamos essa pessoa ou aquela situação.

Vestir-se com modéstia é um sacrifício pequeno

Um olhar inteligente requer esforço. Vestir terno e gravata bem ajustado, ao invés  de uma camiseta enrugada, leva tempo. Barbear-se, em vez de ostentar uma barba por fazer, leva um pouco de esforço. Pentear seu cabelo, em vez de deixa-lo em pé, requer uma pequena quantidade de trabalho. São exatamente esses pequenos sacrifícios de tempo e esforço, no entanto, que mostram às outras pessoas que elas valem a pena.
Acredite em mim, eu sei que não é fácil para os homens. Nós naturalmente não queremos fazer esse esforço. Mas  garanto que se você fizer isso, você vai se sentir  mais viril e mais confiante.

Vestir-se com modéstia para a missa!


Mesmo se você não acha que vestir-se bem vale a pena para as atividades cotidianas, há um lugar que você nunca deve ir mal arrumado.  Esse lugar é a Santa Missa.
Jesus, o Rei dos reis, está em sua paróquia. Anjos tremem diante Dele, os demônios fogem Dele, e Ele se faz presente no altar em cada Missa. Você realmente quer se encontrar com Ele de chinelos e bermudas cargo? Você realmente quer dizer a Jesus: "Não vale a pena me vestir bem pra você?"
Lutamos como a sociedade para entender a realeza. Temos uma visão distorcida da igualdade, que nos diz que ninguém, não importa quem seja, é digno de honra e respeito. Isso é simplesmente errado. São Paulo diz que "dar honra a quem a honra é devida." E, se alguém é digno de honra, é Jesus Cristo, nosso sacerdote e rei.
Eu sei, eu sei. Ninguém mais faz isso. Na verdade, a missa em sua paróquia pode até não ser muito reverente (espero que seja). Mas isso não é desculpa. Parte de ser homem está em fazer a coisa certa, mesmo que isto não seja popular. Seja forte, nade contra a corrente.
Sacerdotes, consideram explicar a importância da presença real de Jesus na Eucaristia, e em seguida, encorajar delicadamente seus fiéis a mostrar respeito na forma como eles se vestem.

O legalismo não é a resposta

Embora eu ache que todo homem deva vestir-se bem para a missa, eu não estou a prescrever exatamente o que você deve usar. Não me cabe recomendar um terno de três peças, uma determinada cor de calças ou sapatos. Mas como não vou te dizer o que vestir, vou sugerir três regras básicas sobre como se vestir para a missa.

1.    Sua roupa deve exigir algum esforço -  Ao escolher o que vestir para a missa, não vá para o que é mais confortável e fácil. Na verdade, faça isso ser um pouco desconfortável. Por exemplo, se você tem usado qualquer coisa na missa, tente usar alguns sapatos de couro agradáveis em seu lugar. Se você tem vestindo camisa polo, tente uma camisa social. Se você tem usado uma gravata, tente adicionar um casaco esporte. Em outras palavras, acrescente algum esforço e faça um pequeno sacrifício.

2.    Seu traje deve ser acima da média
- Nós todos vivemos em lugares diferentes, e nossa cultura tem muito a ver com o que constitui um vestir respeitoso. Um rancheiro na rural Montana ou um pobre trabalhador migrante não estão de acordo com os mesmos padrões de um rico executivo de Wall Street. Não importa onde vivemos, no entanto, todos nós devemos ter uma "Roupa de Domingo" - que vestimos e que são mais bonitas do que as que usamos diariamente. Se a roupa que você veste para a missa é a mesma que usa para o cinema, existe um problema.

3.    Faça isso por amor -
O mais importante, o amor deve ser a nossa motivação. No momento em que começamos a fazer coisas por outras razões que não seja o amor, estamos perdendo nosso tempo. Já ouvi muita gente dizer: "Deus olha o coração. Ele vê que eu o amo, mesmo que eu não me vista bem.” ERRADO. O amor sempre se manifesta exteriormente através de atos de doação. O amor não é um sentimento, é uma escolha de sacrificar a si mesmo ou algo de valor para alguém. Como eu disse anteriormente, vestir-se é um pequeno sacrifício. Diga a Jesus que O ama e respeita, fazendo um sacrifício de esforço ao escolher o seu traje para a missa. O que mais vale não é como você se sente ao se vestir, mas o que o seu sacrifício de tempo e atenção significam para Jesus.


Conclusão


Enquanto o mundo pode nos dizer que não vale a pena vestir-se com modéstia, isso nunca deve ser aplicado ao cavalheiro católico. Devemos mostrar respeito a nós mesmos e aos outros, fazendo um esforço, especialmente para a Santa Missa. Temos que ser corajosamente contra-culturais em nosso vestir, mesmo se conseguirmos com isso olhares engraçados.

 

Como é o traje na sua paróquia? De que maneira você pode se vestir adequadamente para a Santa Missa? 



Fonte: The Catholic Gentleman 


Um comentário:

  1. Primeira vez aqui no site.Único artigo que li em toda internet sobre isso que me fez querer fazer isso.E ainda por cima deu uma aula sobre uma das coisas básicas sobre ser homem (Fazer o certo mesmo que não esteja na moda).Sinceramente MUITO OBRIGADO POR ISSO.As vezes esquecemos das coisas mais importantes na nossa vida,por causa de besteiras.Nos deixamos levar por coisas bestas.Nunca devemos esquecer das nossas bases.

    ResponderExcluir